Sete exemplos de artistas que deram a volta por cima

britney spears superação
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
131

Você já parou para pensar em como a vida é cheia de altos e baixos? Que as reviravoltas, como montanhas-russas, são rotineiras e lidar com cada caso torna-se quase que habitual. Agora, imagina ter que lidar com todos esses problemas quando se é uma super celebridade. Alguns artistas de Hollywood tiveram suas mazelas agravados por viverem uma realidade intensa e cheia de holofotes. Mesmo passando por momentos difíceis, alguns deles não se deixaram abalar e acabaram dando a volta por cima. Veja exemplos de cantores que impressionaram o público com a sua força de superação!

Sete exemplos de artistas que deram a volta por cima

1. Britney Spears

A cantora iniciou sua carreira musical em 1997 e alcançou a fama mundial aos poucos com hits como Oops!.. I Did It Again e …Baby One More Time. Após conquistar o mundo e ser nomeada como a “princesinha do pop”, Britney mudou seu comportamento e ‘se perdeu’ no mundo das celebridades.

Em 2006, seu casamento com Kevin Federline estava de mal a pior e o nome de Britney Spears começou a ficar cada vez mais envolvido em polêmicas. Durante 2007, uma tia muito próxima à ela faleceu de câncer e a antiga apresentadora do programa infantil “Clube da Disney” foi de mal a pior. A cantora deu entrada em uma clínica de reabilitação, porém sua estadia durou apenas um dia. No dia seguinte, Britney foi vista raspando a própria cabeça.

Pouco tempo depois, aconteceu o pior: Spears perdeu a guarda de seus filhos para o ex-marido. Ela era perseguida constantemente por paparazzis, criava caso na rua e era vista festejando com companhias como as atrizes Paris Hilton e Lindsay Lohan – famosas pelas festas e pelo uso de drogas. Ainda no ano de 2007, Britney lançou Blackout. O álbum foi bem recebido pela crítica, no entanto, rendeu a controversa performance de Gimme More, no VMA 2007.

Em janeiro de 2008, Britney foi novamente internada em uma clínica de reabilitação e todos os seus bens foram gerenciados pelo próprio pai. Em setembro, ela abriu o Video Music Awards com uma performance do single Womanizer. No final daquele ano, o álbum Circus foi lançado.

Mesmo entre tantas polêmicas, Britney Spears não esmoreceu e hoje é uma lenda viva. Fazendo uma residência de shows na cidade de Las Vegas desde 2013, ela está em um belo momento de sua carreira. Aliás, há poucos dias a princesinha do pop iniciou uma turnê mundial. Os shows são inspirados em seus espetáculos realizados em Vegas e está batendo recordes de público no mundo inteiro. Olha só o sucesso que ela fez em Israel, onde ela fez o terceiro maior show da capital, Tel Aviv.

2. Rihanna

A menina que veio de Barbados e conquistou o mundo. Rihanna iniciou sua carreira nos Estados Unidos em 2005 com o álbum Music Of The Sun, que alcançou o Top 10 da Billboard em sua semana de lançamento. Apadrinhada por Jay Z, a “bad girl” começou a dominar o território americano com músicas escritas por ela mesma, com a ajuda de produtores como Stargate e Ne-Yo. 2007 foi o ano de lançamento do álbum Good Girl Gone Bad e seus singles (Umbrella, Shut Up And Drive, Don’t Stop The Music, Take A Bow e Disturbia) consagraram Riri nas paradas musicais até 2008.

Aí chegou fevereiro de 2009. Era noite de cerimônia do Grammys e a cantora tinha uma performance marcada. Estranhamente, a apresentação foi cancelada em cima da hora e somente algum tempo depois o motivo do cancelamento foi revelado. O cantor Chris Brown, namorado dela na época, espancou-a a ponto de deformar totalmente seu rosto. O ato brutal de violência doméstica percorreu o mundo inteiro e o cantor foi condenado a cinco anos de liberdade condicional e seis meses de trabalho comunitário.

Em 2009, a cantora voltou ao estúdio e, ainda naquele ano, foi lançado o álbum Rated R. Embora não tenha tido um resultado tão surpreendente como seu último lançamento, o novo conjunto de músicas marcou uma nova fase na carreira de Robyn Fenty. 2010 foi o ano de lançamento do LOUD e desde então foi recorde atrás de recorde. Hoje, após o recente término de sua era Anti, e com oito álbuns de sucesso na conta, a menina de Barbados é uma das artistas mais consagradas dessa geração e um exemplo para a maior parte das mulheres do mundo.

3. Demi Lovato

Demi começou sua carreira de atriz quando ainda era criança, em 2002. Foi em 2008, com o filme Camp Rock, do Disney Channel, que ela ficou conhecida mundialmente e lançou seu primeiro álbum. À época, Demi concedeu uma entrevista à Ellen Degeneres onde admitiu que sofria bullying na escola.

O que ninguém sabia era que, enquanto ela fazia seu nome na indústria fonográfica com lançamentos como Here We Go e Unbroken, Demi também lutava contra transtornos alimentares que quase levaram ao fim de sua carreira e até de sua própria vida. Em 2010, a cantora chegou a agredir uma dançarina de sua turnê com Jonas Brothers, a Jonas Brothers Live In ConcertSua participação na tour foi cancelada e a ex-estrela do canal Disney Channel se internou voluntariamente em uma clínica de reabilitação.

Mais tarde, foram divulgados os motivos da internação de Lovato. Já é de conhecimento popular a sua pré disposição para engordar, todavia, Demetria estava enfrentando bulimia, anorexia, depressão, bipolaridade e transtornos que a fizeram mutilar a própria pele.

Hoje em dia, a cantora está saudável, é garota propaganda de produtos fitness e está super confiante com seu corpo.

@fabletics

A post shared by Demi Lovato (@ddlovato) on

Seu álbum Confident foi divisor de águas na carreira de Demi, que se mostrou uma nova, saudável e amadurecida mulher. Esta é uma das reviravoltas mais impressionantes da cultura pop, já que Demi Lovato agora é um exemplo para milhares de pessoas que sofrem com desordens alimentares. Em 2016, a cantora foi indicada ao Grammy na categoria Best Pop Vocal Album. Os singles Confident, Cool For The Summer e Stone Cold consagraram a artista.

Whitney Houston

Photo by Ebet Roberts/Redferns

Definitivamente uma das melhores vozes de todos os tempos, Whitney Houston é, até hoje, a cantora mais premiada da história, tendo vendido mais de 200 milhões de álbuns.

Ela começou sua carreira em 1983, alcançando o sucesso apenas 2 anos depois com o álbum Whitney Houston. Singles como Saving All My Love For You e Greatest Love Of All, levaram a então esposa de Bobby Brown a conseguir seu primeiro Grammy e a realizar sua primeira turnê mundial. Dois anos depois, a cantora lançou seu segundo álbum Whitney que continha o hino I Wanna Dance with Somebody (Who Loves Me).

Após uma apresentação no Super Bowl, um terceiro álbum de músicas inéditas e mais alguns Grammys em suas prateleiras, a cantora já tinha uma carreira mais do que promissora. Porém, o que ninguém sabia, nessa época, era que o melhor ainda estava por vir.

Foi a participação da cantora no filme O Guarda Costas, lançado em 1992, que consagrou a afilhada de Aretha Franklin para a eternidade. O primeiro filme da cantora tinha hits mundialmente conhecidos, como I Have Nothing e I Will Always Love You.

Com um belíssimo catálogo de sucessos, nos anos 2000, ela lançou a icônica coletânea The Greatest Hits. Em meados de 2002, Whitney revelou à imprensa que sofria de depressão desde a adolescência e que, por isso, fazia uso de drogas como cocaína e maconha, além de bebidas alcoólicas em excesso.

Além disso, a diva estava em um casamento abusivo com o cantor Bobby Brown, que envolvia agressões físicas, humilhações, traições, droga, dentre outras polêmicas.

Contudo, em 2007, a dona de sete prêmios Grammys deu a volta por cima. Se recuperou de seus vícios, se separou de seu marido abusivo e fechou um contrato com a gravadora Arista Records.

O lançamento do álbum I Look To You, no ano de 2009, marcou a grande volta da cantora. Mesmo com a voz um pouco mais rouca, Whitney emocionou a todos com o seu grande retorno aos palcos. Ainda que, vocalmente falando, ela não tenha voltado a ser a mesma, a performance de I Didn’t Know My Own Stregth significava algo muito maior: sua superação!

Selena Gomez

Assim como Demi Lovato, Selena Gomez começou sua carreira ainda pequena. Foi em uma série do Disney Channel, chamada Os Feiticeiros de Waverly Place que Selena ganhou destaque internacional.

No ramo musical, ela formou a banda The Scene, em 2008, e lançou três álbuns com hits como Naturally, Who Says, A Year Without Rain e Love You Like A Love Song.

2013 foi o ano escolhido pela ex-namorada de Justin Bieber para seguir carreira solo, o que resultou no lançamento extremamente bem-sucedido do single Come & Get It.

Foi com o álbum Revival (2015), no entanto, que ela demonstrou todo o seu amadurecimento. Good For You, Same Old Love e Hands To Myself foram hit singles que a tornaram em uma das artistas mais faladas do ano. Além disso, Selena também é dona do títula de ‘pessoa mais seguida do Instagram’.

when your lyrics are on the bottle 😛 #ad

A post shared by Selena Gomez (@selenagomez) on

Em agosto de 2016, a cantora de origens texanas cancelou a turnê promocional de seu mais recente álbum, a Revival Tour (com 34 apresentações já marcadas ao redor do mundo) para tratar de sua saúde. Um mês depois, foi divulgado que ela havia se internado em uma clínica de reabilitação para cuidar de depressão e síndrome do pânico, resultado do seu diagnóstico de portadora da doença Lúpus.

Selena Gomez na Clínica de Reabilitação

A cantora teve alta do hospital e, pouco tempo depois, lançou o single Bad Liar. Embora a canção não esteja fazendo um sucesso estrondoso, ainda é muito cedo para fazer qualquer crítica. O fato de Selena Gomez ter finalizado seu tratamento e estar, novamente, saudável e trabalhando é muito maior do que qualquer número de venda. Gomez deve lançar seu novo álbum ainda neste ano, sob a pressão da grande expectativa de seus fãs, por ela ser considerada uma das maiores artistas dessa nova geração. No clipe de Bad Liar, Selena fez um ótimo trabalho interpretando quatro papéis diferentes ao mesmo tempo, e isso é uma volta por cima.

Ariana Grande

Nunca foi divulgado que Ariana Grande teve problemas específicos como as outras companheiras de segmento, Selena e Demi. Ainda assim, o atentado terrorista, que aconteceu há apenas dois meses, após um de seus shows da Dangerous Woman Tour foi o suficiente para colocá-la em nossa lista. O atentado aconteceu na saída do espetáculo realizado na cidade de Manchester – no Reino Unido – e ocasionou a morte de 22 pessoas, além de ter deixado dezenas de fãs feridos, inclusive crianças. Ari se sentiu extremamente culpada pelo acontecimento e ficou devastada. A tragédia fez com que ela cancelasse a turnê por tempo indeterminado.

Em junho, ela se apresentou para 55 mil pessoas ao lado de outros artistas como Katy Perry, Miley Cyrus e Justin Bieber em um show beneficente, o One Love Manchester, com o objetico de arrecadar fundos para os familiares das vítimas. A grande reunião de artistas em prol da causa, além de ter aglomerado milhares de pessoas, definiu a luta de Ariana contra a depressão.

Gretchen

A Rainha do Bumbum foi uma das cantoras mais bem sucedidas do Brasil durante os anos 80. Vendeu milhares de discos e se consagrou como uma das figuras mais divertidas da TV. Porém, depois de alguns anos fora da mídia por motivos relevantes, a Rainha do Rebolado se viu precisando de dinheiro e, por isso, chegou a fazer filmes pornográficos, decisão da qual se arrepende até hoje.

Depois disso, Maria Odete se mudou para os Estados Unidos, onde foi vista sendo garçonete de um estabelecimento de um amigo.

Com o tempo, a internet descobriu Gretchen e a consagrou com mais um título digno de realeza, o de Rainha dos Memes. Hoje em dia, sua carreira decolou novamente. Ela acaba de estrelar um  comercial para a série Glow, da Netflix, ao lado de Rita Cadillac e um lyric video da música Swish Swish, da cantora norte-americana Katy Perry.

Somado a isso, a cantora também lançou um novo álbum de músicas inédita, o Gretchen Rody (2016), produzido pelo DJ Rody.

Essas mulheres podem servir muito bem como fontes de inspiração para todos nós, não é mesmo? Se você estiver passando por um momento difícil, já sabe em quem pensar. Sempre é possível dar a volta por cima, basta querer e ter a ajuda necessária.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
131

Comments

comments