in ,

“Shallow”, de ‘Nasce Uma Estrela’, tem tudo para ganhar o Oscar de Melhor Canção Original

Shallow, a faixa principal do “A Star Is Born”, foi lançada e as expectativas já são altas. Com um clipe que contém cenas do filme, a canção do novo filme de Lady Gaga com Bradley Cooper pode estar entre as indicadas ao prêmio de Melhor Canção Original do Oscar 2019.

O filme e sua pluralidade artística

Com a música, é possível ter um gostinho do que estar por vir, tanto sobre o filme quanto para a trilha sonora. “A Star Is Born”, ou “Nasce Uma Estrela”, conta a história de Ally, interpretada por Gaga, que se apaixona por seu mentor musical, Jackson Maine, interpretado por Bradley. Jackson é uma estrela do country lutando contra os seus problemas psicológicos e químicos.

É fácil ser um dos filmes mais esperados do ano quando se contém artistas multitarefas. Bradley, além de ser o ator principal que também dá voz ao personagem, é o diretor do filme. Já Lady Gaga, conhecemos seu currículo. Uma cantora e compositora incrível para todos os estilos musicais, agora ela quer se provar uma boa atriz. As críticas especializadas dizem que ela está vindo pelo o Oscar de Melhor Atriz.

Embora o filme seja a terceira versão de um clássico, Shallow é uma inédita. A faixa foi escrita por Gaga junto com Mark Ronson, Andrew Wyatt e Anthony Rossomando. A balada poderosa mostra uma forte harmonia entre os atores principais.

Sam, devolve o Oscar da Gaga!

Na última década, alguns astros do pop foram ganhadores de Melhor Canção Original, como Adele com Skyfall (“007: Skyfall”) e Sam Smith com Writing’s On The Wall (“007: Spectre”), que inclusive ganhou de Lady Gaga com Til It Happens To You (“The Hunting Ground”). A perda da diva foi considerada uma das grandes injustiças do pop, o que pode ser uma forma de redimir a artista no próximo ano.

Leia mais sobre: As Grandes Canções da História do Oscar

Há também a teoria de que o Oscar quer se tornar mais pop no próximo ano. Que inclusive criou uma categoria para isso. O prêmio pode ser uma forma de atrair um público mais jovem e pop à premiação (pelo menos na fase de indicações).

O fato é que a música realmente ficou ótima. Fica muito difícil não se arrepiar com os vocais incríveis de Lady Gaga, o violão acústico e o piano. A cena com o storytelling deve tornar tudo ainda mais emocionante, mas isso só saberemos quando o filme estrear.

A trilha sonora completa do “Nasce Uma Estrela” será lançada no dia 5 de outubro, no mesmo dia em que o longa metragem será lançado nos Estados Unidos. No Brasil, ele chega aos cinemas no dia 11.

Caso você não saiba, essa é a terceira versão de “A Star Is Born”. O original foi lançado em 1937, estrelado por Janet Gaynor e Fredric March. Depois disso, ganhou uma adaptação musical em 1954, com Judy Garland e James Manson. No fim temos em 1976, a versão com Barbra Streisand e Kris Kristofferson. Vai ser difícil superar Judy e Barbra mas não falta talento e vontade para Gaga.

Leave a Reply
  1. Shallow vencer parece fácil, mas minha dúvida é: Lady Gaga vai ganhar o Oscar pela música? Porque pelo que sei a Academia atualmente só aceita 3 compositores por canção e a música tem 4. Em 2007 Beyoncé ficou de fora por Listen de Dreamgirls justamente porque era a quarta compositora.

One Ping

  1. Pingback:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Felicidade Por Um Fio, um filme sobre feminismo, empoderamento e o autoconhecimento da mulher negra

Precisamos falar sobre Cher